Resenha: A Última casa da Rua

Olá, pessoal!

Voltei para comentar um pouco sobre a leitura do livro A Última casa da Rua, que foi baseado no roteiro do filme homônimo estrelado por Jennifer Lawrence e Max Thieriot que será lançado em 7 de dezembro desse ano.

A Última casa da Rua

A Última casa da Rua

Lily Blake, David Loucka, Jonathan Mostow

Tradutor: Bernardo de Carvalho
Editora: iD
Páginas: 182
ISBN: 8516072908
Publicação: 2012
Compre:

Sinopse:

Em busca de uma nova vida, a jovem Elissa e sua mãe encontram a casa dos sonhos em uma pequena cidade do interior dos Estados Unidos. A cidade tem um mistério. Um assassinato aconteceu bem na casa ao lado. Uma garota matou os pais de forma brutal e desapareceu. Hoje, quatro anos depois, apenas Ryan, o misterioso irmão mais velho, mora sozinho naquela mesma casa, sombria e esquecida no tempo. Indo contra tudo e contra todos, Elissa acaba se envolvendo amorosamente com o estranho rapaz. O que ela não sabe é o quão perigoso esse jogo pode se tornar.

Comentários

Fazia algum tempo que eu não lia nada de suspense e estava com saudades de uma leitura do gênero. A capa já cria uma boa espectativa do que está por vir.

A relação entre Elissa e sua mãe Sarah, não está bem desde que seu pai saiu de casa, há mais de um ano ela não tem notícia dele, está muito ressentida por isso e para ajudar sua mãe parece nunca estar por perto quando ela precisa. Mas ao se envolver com um cara da escola, Sarah resolve que é hora de mudarem da cidade grande (Chicago) para uma cidade com uma melhor vizinhança e escola.

Ao chegarem na casa nova, inacreditavelmente grande e linda, elas avistam uma casinha mal conservada no final da rua, que foi palco de duplo homicídio, o que acabou causando a desvalorização imobiliária responsável por Sarah ser capaz de pagar o alugueal da nova casa.

Elissa não se dá bem com o pessoal da nova escola, que conenhamos, são bem babacas. Ao sair de uma festa, ela acaba aceitando a carona de uma garoto, Ryan, seu vizinho, odiado por todos na cidade, mas ao conversar melhor com ela, ela o acha incrivelmente sedutor e não parece ser o monstro que todos na cidade dizem ser. Só porque o cara mora sozinho na casa que seus pais foram assassinados por sua irmã não quer dizer que ele seja perigoso, certo?

A narrativa é feita em terceira pessoa, principalmente sob o ponto de vista de Elissa, mas Ryan também tem seus momentos. Com poucas páginas, os personagens não são bem desenvolvidos,a autora poderia ter se baseado no roteiro do filme, mas criado uma bagagem emocional para os personagens envolvidos na trama. O enredo é tenso com boas reviravoltas e um final inesperado. A leitura é rápida, fluida e com uma boa dose de suspense, o terror aparece pouco, mas perto do final da trama.

Durante a leitura, fica evidente que o livro foi baseado em um filme, ou seja, apenas as informaçlões necessárias para um bom enredo estão presentes. A ambientação só é boa quando interessa, como a casa antiga, mas a escola e arredores ficam apenas por conta da imaginação do leitor, bem como os personagens secundários.

Leitura de um dia recomendada para quem gosta de suspense, sem muitos detalhes e profundidade de personagens, mas com um final digno de deixar o leitor surpreso.

Parado no quarto, ele continuou observando as sombras no chão. Do lado de fora, trovoava. A chuva tinha começado a cair novamente, molhando as cortinas. John se levantou e deu alguns passos tentando se orientar na escuridão. Estava prestes a chamar o nome da esposa, quando a porta se abriu. Sua filha entrou rapidamente, o cabelo bagunçado na frente do rosto e o martelo sangrento em uma das mãos...

Página 11
3 Estrelas

Book Trailer

Playlist

  • P!nk - Blow Me (One Last Kiss)
  • Alanis Morissette - Numb

Sobre o autor

Mariana Dal Chico, fisioterapeuta, esposa, leitora voraz e blogueira. Não sabe viver sem livros e música. Seu estilo literário é variado, no entanto, prefere livros de fantasia que a façam viajar para outros mundos e odeia spoilers. Também pode ser encontrada no @MariDalChico.

10 comentários

  1. Faz muito tempo que não leio nenhum suspense também. Estou em abstinência.
    Confesso que não estava pondo muita fé no filme e nem no livro mas, sua resenha fez nascer meu interesse. Parabéns!
    Só não acho legal esse alvoroço todo por causa da Jennifer. Confesso que preferia outra a capa ao cartaz do filme.

    Luiza Helena Vieira
    Obsession Valley

    [Responder]

  2. Tatiany disse:

    Excelente… quero esse livro. Será que rola sorteio dele?
    ótima resenha Mari, adoro seus vídeos também. ;) bjs

    [Responder]

  3. Idelmária disse:

    Tbm quero esse lviro rsrs

    [Responder]

  4. Claaaaaaaaro que vou ler este livro.
    Vi na caixinha, obrigada por me avisar da resenha.

    Com certeza vou comprar. Eu já estava de olho lá na Bienal, até peguei o marcador dele pra não esquecer.

    Adorei

    Bjkas

    [Responder]

  5. Adorei a resenha meninas, esse livro não está muito na minha wishlist por ser uma adaptação de roteiro, mas talvez eu leia algum dia.

    Robson Gabrie – http://perdidoempalavras.blogspot.com.br/

    [Responder]

  6. Já li antes livro baseado no filme (e não contrário) e confesso que não gostei muito do modo como foi construído, e imaginando que esse seja do mesmo modelo, não me atraiu muito apesar do filme parecer ser legal.

    http://autoracarolinaribeiro.blogspot.com.br/

    [Responder]

  7. Nattacha disse:

    Nossa faz tempo que não leio nada de suspense também, e lendo a resenha dá até vontade de pegar um livro agora e começar a ler, com esse gênero!
    Sabe, eu nem sabia que o livro era baseado em um filme, e confesso que lendo sinopse e venda a capa, espera mais. Não uma leitura que esta na cara que foi baseada em um filme, com personagens e ambientação bem rasas.
    Mas tenho que admitir que o enredo do livro me chamou bastante atenção, será que esse rapaz é um monstro como todos dizem ser? Qual vai ser o mistério da ultima casa na rua… Enfim, gostei do livro apesar de tudo!
    Leitura de um dia, que com certeza farei se tiver a chance! Adorei a resenha
    Beijos :*

    [Responder]

  8. Maccky disse:

    Nossa e eu achando que seria um livro de deixar a gente morrendo de medo. :/
    SIm, eu vi o trailer e pensei isso, mas me enganei. rs
    Parece ser uma leitura gostosa, e eu adoro um suspense *que não me deixe morrendo de medo de noite*, quem sabe um dia. :D

    Adorei a resenha Mari, beijocas ;*

    [Responder]

  9. Mariana Borges disse:

    Suspense não é meu gênero favorito, mas eu realmente fiquei curiosa para ler esse. Decepcionei ao ler a resenha e descobri que a autora não explorou tão bem o tema, mas quando puder com certeza vou dar uma lida para ver o que eu acho. Obrigada pela resenha, beeijos!!

    [Responder]

  10. Flávia Calil disse:

    Não sou exatamente uma fã de suspense, terror e afins. Esse me pareceu um bom inicio nessa seara ! Justamente por ser mais light … =)

    [Responder]

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *